Gone - Lisa McMann

segunda-feira, março 13, 2017

Editora: Novo Século      Gênero: Young Adult      Série: Wake      Páginas: 200

Meu Deus, faz tanto tempo que não escrevo nada, não faço posts nem resenhas, que nem sei mais como resenhar algo HAHA. Como faz um ano que não uso o blog tá difícil me organizar pra digitar. Já tenho posts que vão durar o ano inteiro, mas não consigo parar para organizar as palavras e texto :(

O livro que vou resenhar hoje é o terceiro e último da trilogia Wake (que você pode conferir a resenha do primeiro e do segundo). Posso dizer que a trilogia terminou como eu pensei que iria terminar, mas por algum motivo não curti muito a leitura.
Em Gone Janie Hannagan continua pensando em seu futuro, em como vai viver se acontecer com ela o que aconteceu com os outros apanhadores de sonhos. Alem da dúvida de se isolar ou continuar com o amor da sua vida e sua mãe sempre causando problemas, aparece mais um fardo para piorar a vida de Janie: seu pai.

Janie finalmente chega a conhecer seu pai e ele está muito mal, está internado em um hospital e por mais que ela não queira se envolver ela acaba ficando curiosa sobre toda a vida dela e dele. O livro é praticamente a ligação dela com o pai, Janie nunca quis saber do pai, mas ao ver ele naquele estado a deixa curiosa em saber porque ele a abandonou e o que aconteceu com ele.

Ela tenta, sem muito sucesso no início, se comunicar com ele através dos sonhos. Decide então "fuçar" a vida dele e descobre que ele mora em um lugar bem afastado de tudo. Ao visitar a residência descobre que ele levava uma vida simples e aparentemente tranquila, é aí onde ela vê que não é uma má ideia ter que se isolar de tudo.

A escrita, apesar de alguns erros gramaticais, continua sendo gostosa assim como a dos livros anteriores, mas confesso que achei um pouco arrastada por mais que estivesse se desenvolvendo bem. Não sei se é porque houveram tantos problemas com Janie que a gente acaba se sentindo angustiado junto com ela.
A diagramação continua a mesma dos outros livros. A única diferença é a capa. No primeiro livro a capa é lisa, no segundo um pouco áspera e o terceiro bem áspero. Não sei se essa é a intenção ou se, por eu ter comprado separadamente e ser uma trilogia antiga, as edições mudaram.

Devo levar em conta que fazia muito tempo que não lia nada, então voltei a ler algo e ainda "parte" de uma trilogia. Fiquei muito feliz por finalmente terminar mais uma trilogia e que por mais que não tenha se desenvolvido como eu esperava, o livro terminou como pensei.

Mesmo que o terceiro volume não tenha atendido às minhas expectativas, isso não tira o mérito dos outros livros. A temática, pelo menos pra mim, é inovadora. Apesar de ser um livro bem antigo nunca li nada sobre apanhadores de sonhos. E foi muito bom me envolver em mais um universo.
Então é isso, me desculpem pelo texto (perdoem eu ter desacostumado a resenhar e não desistam de mim). Até mais :)

Leia também

0 Comentários