Pequena Abelha - Chris Cleave

segunda-feira, março 23, 2015


Editora: Intrínseca   Páginas: 270

Esse foi o livro escolhido das minhas metas de leitura para mês de fevereiro. Porém, como o mês de fevereiro é curto e ainda teve o carnaval, que passei com os blogueiros lindos ❤, não pude terminar a tempo. Já quero começar a resenha dizendo que esse livro não foi o que eu estava esperando.

Quando o comprei, na bienal de 2012, não sabia muita coisa sobre ele, a única coisa que eu sabia era que as pessoas que leram gostaram muito dele. E na sinopse, no verso do livro, o próprio autor pode para que a gente não comente muito coisa sobre esse livro com ninguém. E claro, isso me deixou mega curioso HEHE.


O livro conta a história de Abelhinha, uma garota nigeriana que está em um Centro de Detenção de Imigrantes, no Reino Unido. Lá ela aprende, por meio das musicas e revistas, os contumes e falas inglesas, tendo como inspirção a rainha. Abelhinha está a procura de um casal que ela conheceu alguns anos atrás, mas a maneira que eles se conheceram, não foi nada comum.

Conhecemos também Sarah, uma editora chefe de uma revista e  uma mulher bem sucedida. Sara é casada com Andrew e tem um filho que não tira a roupa do Batman.





 
Em um dia, Sarah recebe a notícia de que seu marido estava morto, e enquanto se preparava para o enterro, foi surpreendida por Abelhinha, que conseguiu sair de onde estava e foi para Inglaterra. Depois disso, elas começam a conversar sobre como Abelhinha foi parar no Centro de Detenção, e o que aconteceu com ela depois de anos.


O livro é narrada por Abelhinha em um capítulo, e por Sarah no outro, e assim até o final do livro. Confesso que gostava mais da historia, quando era narrada por Abelhinha, pois ela se comunicava com o leitores, falando coisas como: "se nos encontrarmos mesmo, espero que não leve isso a mal.". Por mais sofrimento que ela tenha passado, ala ainda é uma garota inocente, e em cada fala dela, ela se lembra de sua terra na Nigéria. Confesso também que marquei vários quotes no livro por causa da Abelhinha HEHE.

Me decepcionei porque esperava muito mais do livro, e o livro foi tão "comum" que não me surpreendi no final. O livro tem uma história pesada, pois se trata de uma refugiada da Nigéria por causa de uma guerra por petróleo.

Gostei bastante da diagramação muito simples e bem bonita. Me decepcionei também, pois achei que em alguns momentos a autora apenas escreveu pra "encher linguiça".

Quando eu terminava um capítulo eu ficava um pouco pensando sobre o assunto, passei a olhar diferente para certos valores. Gostei da história, só não correspondeu às minhas expectativas. Recomendo a leitura para alguém que também queira aprender um pouco mais sobre valores, e queira ler algo diferente.

Espero que tenham gostado e até mais!

Leia também

0 Comentários